NOTÍCIAS GERAIS

Publicado em 26 de Dezembro de 2018 19:01

A Esafaz para além da Educação Corporativa

Publicado por Pedro Brito
A Esafaz para além da Educação Corporativa

Em fase de conclusão do seu Relatório de Gestão 2018, a equipe da Escola Fazendária (Esafaz) percebeu que, nos dados preliminares levantados sobre as ações realizadas ao longo do ano, a Esafaz tem exercido constantemente uma função que vai além das suas prerrogativas como unidade de educação corporativa da Secretaria da Fazenda/PE. Cada vez mais, a Escola tem sido demandada como uma parceira importante em diversas ações e iniciativas de outras diretorias.

Com imensa alegria em servir e atender às demandas dos colegas fazendários, a equipe da Esafaz tem se empenhado de forma efetiva nesse intuito, e assim o tem feito. Os números levantados refletem, reproduzem e comprovam essa dedicação e expansão do escopo de trabalho.

Além dos cursos, treinamentos e palestras que habitualmente promove a utilização dos espaços físicos e a requisição do apoio logístico da escola tem sido importante para a realização de encontros funcionais, reuniões gerenciais e treinamentos internos. Ao longo de 2018, foram atendidas até o momento 44 dessas demandas. Em sua maioria, elas foram requisitadas pelo público fazendário estabelecido no Edifício San Rafael.

A Esafaz apoiou e coordenou, em parceria com outras Diretorias da SEFAZ/PE (DPF, DPC e DRR-I), importantes eventos de caráter nacional como os Encontros dos Grupos de Trabalho (GT’s) do ENCAT: o GT de Auditória Contábil (DRR-I), em abril; o GT de Modernização da Fiscalização (DPF), em setembro; outros dois apoiados simultaneamente: GT-NFCe e GT-BPe (DPC), em novembro; e por fim, em dezembro o GT da COTEPE, os quais demandaram esforços das áreas técnicas e de logística da Esafaz.

Jader Toscano, COTEPE, responsável pela assessoria do Secretário da Fazenda e do Coordenador de Administração Tributária junto ao ENCAT, considerou que a parceria com a Esafaz foi fundamental e preponderante na organização e no êxito dos eventos relacionados ao CONFAZ e ao ENCAT captados para Pernambuco, em 2018. “A Diretoria da COTEPE, que também atua junto ao ENCAT, trouxe as reuniões e GT’s para Pernambuco e a Esafaz nos apoiou. Sem esse suporte seria impossível à realização dessas reuniões.”, ressaltou.

A Escola também elaborou, aplicou e analisou diversas pesquisas, com metodologia científica, para compreender a receptividade, acompanhar os resultados dos encontros, eventos e reuniões. Questionários que possibilitaram modernizar, apontar tendências e caminhos para a melhoria das atividades internas das diretorias demandantes.

“Estimular o desenvolvimento das potencialidades e valores necessários ao alcance das competências fazendárias e de cidadania”, continua sendo a missão da Esafaz. Mas, expandir fronteiras e estar cada vez mais presente no dia a dia daqueles que fazem a SEAFAZ/PE é um mais que um dever, é uma satisfação para a equipe da Esafaz.

Mais recentes